Olhares

21 fevereiro 2008

Uma vez mais...


Estrada fora no meio do mau tempo, cá dentro as coisas não estão melhores… as palavras desagradáveis saltam por tudo e por nada, começa a ser difícil partilhar um espaço tão confinado como o de um carro e a viagem é grande…

Precisava de música para me acalmar e nem o rádio está a cooperar, por fim, de raiva, saco da mala do portátil, abro-o no colo, coloco uma pen que tem música e procuro os sons que me apaziguam a mente… Enigma é uma boa opção… respirei fundo, abri esta página de Word e decidi despejar… respiro agora em palavras numa folha branca, a cada som suave e compassado dos Enigma, sinto o coração que se acalma, os olhos relaxam, o nó da garganta e o ritus facial esses mantêm-se firmes…

De onde me surgiu esta triste ideia de me enfiar 5 ou 6 horas num carro, lado a lado com o conflito, devia estar completamente louca, e agora não há volta a dar…

Uma vez mais é num teclado e na música que busco a paz, o isolamento, a minha segurança interior… pela primeira vez faço-o em viagem, pela primeira vez faço-o desta forma, ergui a barreira intransponível do meu silêncio e das palavras que escrevo, como se nada mais importasse no mundo!

Uma vez mais...

posted by Teardrops at 00:35

7 Comments:

A música e o teclado são meios (entre outros) de olharmos para dentro, nos encontrarmos e vermos o que não é visível... No fundo, há alturas em que temos que estar connosco. Especialmente quando o tempo não é dos melhores...

21 fevereiro, 2008  

Curiosa essa tua introspecção, esse teu estado de compreensão interior onde rebuscaste e adquiriste a capacidade de adquirir algo mais do que um simples mundo físico que te envolvia. Sublime! Gostei muito.

Um beijinho

http://krigsmjod.blogspot.com

21 fevereiro, 2008  

Lb

Quando as tempestades nos atingem por dentro e por fora... melhor mesmo é ouvir música e escrever :-)

Beijinho

*******

Nm

Esta é a minha forma de conseguir dar a volta à Vida que me anda a querer dar a volta a mim... pois...

Obrigada :-)

Beijinho

23 fevereiro, 2008  

As palavras, desenhos ou seja lá qual for a forma não verbalmente sonora, com o qual libertamos os nossos demónios, são velhos amigos, que estão sempre prontos a nos ajudar.

As palavras, por vezes estranhas que escrevo é exactamente para tirar de mim, as emoções que carrego, alivia a alma.

Beijinhos e bom wk

24 fevereiro, 2008  

Enigma... boa escolha! já há muito que não oiço!

Também não sei se foi boa ideia ou não, mas às vezes é preciso olhar os problemas de frente. é preferível enfrentá-los do que fugir. assim tornas-te mais forte!

Fizeste bem! Quando vejo que vou passar do chão para baixo também recorro à música!


bjinhos ;)

24 fevereiro, 2008  

ufa! desta vez consegui não escrever um testamento! sempre que faço um comentário, saio dos blogues envergonhada pelo testamento que deixo! :$

bjinhos ;)

24 fevereiro, 2008  

Sombras

É bem verdade!
Precisamos de descarregar as coisas que nos atormentam e as palavras são um bom instrumento :-)))

Beijinho e bom fds

******

Macaw

Oiço frequentemente os Enigma. Tenho-os no computador, em cd e no mp3 :-)), são muita vez o meu ponto de contacto comigo mesma, acredita!

Não te preocupes com o tamanho, o que conta mesmo é o conteúdo e o coração que pões nele! Obrigada pelas tuas visitas!

Beijinho e bom domingo

09 março, 2008  

Enviar um comentário

<< Home